Saiba qual a estratégia mais eficiente para perder peso sem dieta

Por Redação
12/02/2023

Um estudo publicado na revista Cell Metabolism em outubro de 2022 concluiu que uma rotina de exercícios físicos de alta intensidade (HIIT) contribui para o emagrecimento sem a necessidade de fazer dieta. No entanto, toda a alimentação do dia deve seguir o esquema do jejum intermitente, com refeições distribuídas dentro de uma janela de tempo, mas sem restrição de macronutrientes ou calorias.

Para a realização do estudo, os pesquisadores da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia recrutaram 131 mulheres com idades entre 19 e 45 anos que tinham sobrepeso. Todas elas tinham a mesma altura e peso, e o hábito de se exercitarem sem fazer dieta. As participantes foram divididas em quatro grupos. As do primeiro time deveriam fazer todas as refeições do dia em uma janela de 10 horas, sem restrição de calorias, e não fazer exercício. No segundo grupo, as mulheres deveriam praticar treinos de alta intensidade três vezes na semana, durante 35 minutos, sem regulação da alimentação. Outro grupo devia executar o treino HIIT combinado com o jejum intermitente com calorias liberadas. Por fim, o último grupo era de controle, que podia comer e se exercitar sem pré-requisitos. Redução de gordura – Após sete semanas de experimento, os pesquisadores observaram que as mulheres do grupo que fez HIIT em conjunto com a alimentação em tempo controlado apresentaram maior queda nos níveis de açúcar no sangue e melhora na oxigenação do corpo. Além disso, elas tiveram uma redução superior de gordura em todo o corpo, uma queda de, em média, 3,6 kg.

O grupo de mulheres que somente restringiu os horários das refeições perdeu, em média, 2,1 kg. Já as participantes que apenas treinaram, sem controlar a alimentação, perderam, em média, 1,7 kg. Os cientistas apontam, no artigo publicado, que apesar de o consumo de calorias ser liberado nesta modalidade de alimentação controlada por tempo, as pessoas que seguem o regime acabam comendo menos espontaneamente. A pesquisadora que liderou o estudo, Tine Moholdt, explica que diversas pesquisas mostram os efeitos positivos do jejum intermitente e do HIIT, mas de forma individual, sem juntar os dois métodos. A intenção do experimento foi fazer a combinação para analisar a eficácia.

Veja também:

Fique por dentro de outros assuntos do mundo do entretenimento e do mundo dos famosos no Instagram @entreter7 e no programa Antena Tarde. De segunda a sexta, às 13h com participação de Alexandre Moreno, na Rede Antena7 e na TV Farol (canal 16.1 em Maceió).

Esse texto pode ter conteúdo produzido por IA como co-autor.