Homem ‘cremado’ nove anos atrás reaparece diante de familiares na China

Por Redação
02/03/2023

A história do reaparecimento de Zhuo Kangluo, um homem que havia sido cremado nove anos atrás, é surpreendente e ao mesmo tempo intrigante. A descoberta de que Zhuo estava vivo, após ter sido dado como morto e cremado, chocou a sua família e as autoridades chinesas.

Aparentemente, o corpo encontrado e cremado em 2014 foi identificado pelos parentes como sendo de Zhuo. No entanto, a ausência de uma autópsia permitiu que um engano fosse cometido, e a família acabou cremando o corpo sem saber que não se tratava do seu parente.

A descoberta de que um homem estava se passando por Zhuo ao preencher documentos levou a uma investigação, que acabou por localizar o verdadeiro Zhuo. A recusa de Zhuo em falar com os investigadores até que um exame de DNA fosse feito para comprovar a sua identidade aumentou ainda mais o mistério em torno da história.

O fato de Zhuo ser capaz de reconhecer e chamar todos os seus parentes pelo nome foi a prova final de que ele era de fato Zhuo Kangluo. No entanto, o mistério em torno do que aconteceu com Zhuo nos anos em que ele esteve desaparecido permanece, e a polícia agora busca descobrir a identidade do homem que foi cremado no lugar de Zhuo.

Essa história é um lembrete da importância da realização de uma autópsia em casos de morte suspeita. O engano da família em relação à identidade do corpo encontrado e cremado em 2014 mostra que, sem uma autópsia, é possível cometer graves erros que podem ter consequências para a vida de outras pessoas.

Veja também:

Fique por dentro de outros assuntos do mundo do entretenimento e do mundo dos famosos no Instagram @entreter7 e no programa Antena Tarde. De segunda a sexta, às 13h com participação de Alexandre Moreno, na Rede Antena7 e na TV Farol (canal 16.1 em Maceió).

Esse texto pode ter conteúdo produzido por IA como co-autor.

MUNDO